Segurança Cibernética, mais que uma tendência, uma prioridade para o seu negócio!

O ano de 2021 está sendo o início de uma transição para o novo normal. Cibersegurança agora é uma das principais prioridades corporativas. A maioria dos tomadores de decisão de TI afirmam que segurança cibernética é mais que uma tendência é uma prioridade para o seu negócio!

Segurança Cibernética, mais que uma tendência, uma prioridade para o seu negócio!

De fato, a pandemia mudou a vida de todos e para muitas empresas, transformou para sempre os modelos de negócios. Entre os impactos enfrentados pelas organizações, estão profissionais trabalhando de forma remota, escritórios ainda fechados ou com acesso restrito, cadeias de suprimentos interrompidas e um movimento de forte transição para os canais digitais.

Muitas organizações aceleraram a implementação de tecnologias e se tornaram extremamente dependentes dessas ferramentas e da infraestrutura que apoia esse novo cenário dos negócios. Com o suporte de diferentes tecnologias, a vida de muitos profissionais está dividida em videoconferências e demais interações nos canais digitais. É provável que essa mudança tenha um impacto permanente, pois muitos executivos têm afirmado que devem continuar utilizando essas ferramentas após a pandemia.

Cada dispositivo conectado à internet pode representar riscos. Devido a isso, resolvemos listar abaixo alguns dos riscos que os ataques cibernéticos podem oferecer e como se defender deles. Confira!

Alguns riscos que os ataques cibernéticos podem oferecer ao seu negócio:

1 – Ataques de ransomware de extorsão dupla
Os ataques de ransomware costumam ser realizados por meio de e-mails de phishing, mas também podem ser tentados por meio de outros canais. Aplicativos móveis inseguros, sites falsos e software de desktop são caminhos comuns.

O ransomware bloqueia seus dados, impedindo o acesso a eles em troca de um pagamento de resgate. No ransomware de extorsão dupla, os hackers pedem um pagamento adicional ou ameaçam liberar os dados online.

Criptografar sua conexão de internet com uma VPN e usar proteção contra ameaças em tempo real pode reduzir o risco de ransomware. Você também deseja evitar sites, aplicativos e links que vêm de fontes não confiáveis.

2 – Ataques de trabalho remoto
Devido a pandemia do Covid-19 que estamos presenciando, muitas empresas seguem atuando de forma remota, com isso as preocupações com a segurança devem ser tradas com mais urgência do que nos anos anteriores. As principais vulnerabilidades foram encontradas em software de desktop remoto, incluindo o Remote Desktop Protocol da Microsoft, TeamViewer, VNC e Netop.

Ataques de força bruta em que os hackers tentam adivinhar a senha de uma conta remota têm aumentado.

Ao mesmo tempo, os cibercriminosos estão usando phishing e outros tipos de golpes para atingir contas de e-mail comercial. Em 2020, esses golpes causaram perdas de mais de US$ 1,8 Bi, de acordo com um relatório do FBI.

Se você trabalha remotamente, deve estar atento a golpes. É muito importante que você faça a utilização de um software de acesso remoto sem vulnerabilidades documentadas.

3 – Ameaças de phishing em plataformas e dispositivos
Ataques de phishing envolvendo e-mails, mensagens ou links maliciosos continuam a ser os tipos mais comuns de ataques cibernéticos. Os ataques de phishing tentam enganar os destinatários para que forneçam informações confidenciais ou instalem softwares ou aplicativos maliciosos, incluindo ransomware.

Os cibercriminosos agora usam abordagens criativas para entregar ataques de phishing personalizados e direcionados geograficamente. Por exemplo, eles podem-lhe enviar um e-mail informando que sua conta bancária foi suspensa. Eles podem então direcioná-lo para uma página da web simulada e solicitar que você digite sua “senha antiga”.

Como os e-mails e mensagens de phishing passam pelos filtros de segurança de e-mail, a vigilância é crucial. Evite clicar em links suspeitos, sempre verifique os URLs de destino e tome cuidado com as ofertas que são boas demais para ser verdade.

Também é importante proteger os dados pessoais, como números de telefone, e-mail ou endereços físicos, tanto quanto possível. Você não quer que eles estejam facilmente disponíveis na Internet.

Como manter o meu negócio protegido contra-ataques cibernéticos?

Segundo especialistas, sem investimentos em segurança, ninguém escapa! Empresas, governos e o cidadão seguem na mira. Saúde, comércio eletrônico e sistema financeiro são os setores que mais crescem e também os apontados como mais vulneráveis.

Veja algumas dicas de especialistas de empresas de tecnologia que atuam com cibersegurança para proteger sua empresa de ataques cibernéticos:

1 – Invista em um bom antivírus
Um fator que é ignorado em muitas organizações, é dispensar a utilização de antivírus corporativo. Afinal, é preciso investir em um bom programa.

Sendo assim, um sistema de antivírus com versão corporativa é primordial para garantir a proteção contra códigos ou programas maliciosos, tendo a capacidade de detectar e remover antes que o vírus afete o sistema e seja instalado no computador para roubar dados.

2 – Treine a sua equipe
Treinar a equipe é outra ação imprescindível em qualquer empresa que entenda a necessidade de prevenir ataques cibernéticos e garantir mais segurança na execução de tarefas.

Um fornecedor de produtos biodegradáveis, por exemplo, certamente possui diferentes atividades administrativas. E, treinar a equipe para ressaltar a importância de não acessar qualquer link nem abrir e-mails suspeitos, evita dar espaços para os hackers acessarem o sistema operacional e conseguirem acesso a dados que podem impactar nos resultados da organização.

3 – Cuide da Gestão de Identidades e Acessos
Em uma empresa existem diversos sistemas, informações tratadas e níveis/cargos de pessoas que os acessam. Mas como definir esses níveis de permissões de forma fácil, segura e integrada?

No art. 46 da lei geral de proteção de dados é determinado que “Os agentes de tratamento devem adotar medidas de segurança, técnicas e administrativas aptas a proteger os dados pessoais de acessos não autorizados […]”.

Você sabia que para atender este requisito da lei é fundamental ter uma solução de Gestão de Identidades e Acessos? Por estes motivos, se adequar às diretrizes e às práticas de proteção de dados é uma forma de garantir mais segurança contra os ataques na internet.

E aí, o que achou deste conteúdo? Não seja uma empresa vulnerável! A inventCloud já ajudou diversas empresas a se adequarem contra os hackers.

Podemos ajudar sua empresa a manter um time eficiente, produtivo, longe de riscos e ameaças, clique no botão abaixo, fale com um de nossos especialistas e saiba como a inventCloud pode te ajudar!

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top